No outro dia fizeram uma observação ao meu trabalho com a qual eu concordei a 100%: "Tu arriscas muito nas tuas maquilhagens, em ti. Nas outras pessoas és bem mais subtil." E é verdade. A menos que eu tenha à minha frente alguém que me deixe completamente à vontade e me diga que quer uma maquilhagem como a minha ou mais colorida, ou mais exagerada.

A verdade é que o que mais ouço é: " Não gosto quando se nota muito a base" ou "Não gosto de pôr muitos produtos" ou até "Quero um aspecto natural." E quanto a isso, apesar de adorar bases e corretores de altas coberturas e com texturas mais consistentes, para trabalhar nas minhas clientes gosto de produtos com bom poder de cobertura, mas que tenham texturas mais leves. Gosto de poder construir coberturas sem que elas achem que estão mascaradas e por isso estes corretores fluidos têm sido os meus melhores amigos.


Quais os vossos favoritos?
Viram no instagram que fui ao lançamento da NARS na Sephora do Norteshopping? Foi uma tarde bem passada na companhia de outras bloggers e que deu para ficar a conhecer grande parte dos produtos da marca.

Claro que como curiosa e makeuplover que sou, não me podia ficar só pelas impressões de ter alguma maquilhagem no rosto aplicada pelo Xavier. Comprei uma paleta de sombras para testar. Uma paleta compacta, com 12 sombras neutras, vários acabamentos, tons quentes e um espelho generoso.


Fotos: Joana Cardoso (Blog The Paper and Ink)

Ai se o arrependimento matasse... Já vos disse várias vezes que testo os produtos tal como eles são, sem primers, sem fixadores para que nada interfira com pigmentação nem durabilidade deles, e com esta paleta fiz o mesmo.

As sombras são bem pigmentadas, acho que isso toda a gente concorda. Quanto à duração...aqui, provavelmente, as opiniões vão divergir. Eu tenho usado estas sombras todos os santos dias e todos os santos dias tenho vindo a arrepender-me de ter gasto 50€ nisto. Eu sei que tem estado imenso calor e que isso não ajuda muito, mas ter sombras completamente derretidas e acumuladas na linha orbicular ao fim de duas ou três horas não é nada agradável. As cores são lindas e maravilhosas mas, nas minhas pálpebras têm de ser usadas com um primer obrigatoriamente. Confesso que nem pode ser um primer qualquer, tem de ser com o meu melhor primer (o primer potion da Urban Decay).

Só estava à espera que os mais de 50€ que esta paleta custa não desse lugar a arrependimento e não me fizessem dizer "podia ter comprado 5 paletas da sleek". Não estou a dizer que os produtos são maus, só estou a dizer que, neste caso específico, não devia custar tanto, ou então não devia ser necessário utilizar produtos complementares para garantir durabilidade.
Mais alguém partilha a minha dor?
Já não me lembro há quantos anos uso gel nas unhas das mãos. Mais do que ter unhas super quebradiças, não tinha paciência para andar sempre a pintar e tratar das cutículas e o pior pra mim era mesmo deixar secar o verniz sem o estragar no primeiros 10 segundos. Esse sim era o meu maior desafio.
Fui a um workshop de mãos da Mavala na sweetcare e lá fiquei a perceber mais sobre tratamento de unhas. Afinal de contas esta marca com mais de 50 anos de existência é especialista nos cuidados de mãos, pés, unhas e também pestanas e sobrancelhas. (Eu já conhecia o seu produto para as pestanas que fez milagres nas minhas há uns anos atrás.)

Para além de poder experimentar os produtos durante o workshop e de aprendermos os maiores truques e segredos para umas unhas saudáveis e bonitas durante mais tempo e depois de pintadas, trouxe para casa um kit com os essenciais para esses resultados. Há alguns produtos que por mim só são utilizados nas unhas dos pés mas o que eu consigo utilizar mesmo com o gel, eu uso!

Uma coisa que eu acho mesmo importante referir é o facto de termos de estar mais atentas à forma como "encaramos" os produtos e damos as informações como adquiridas pela forma do produto e não prestarmos muita atenção às instruções da marca. Julgamos que por todos os produtos terem a aparência de um verniz de unhas, usamo-los como vernizes duma ponta à outra da unha. Lá falamos que realmente o produto estrela da marca é muitas vezes mal aconselhado, ou que as instruções de como o devemos utilizar não nos são bem dadas. Mas também é verdade que nós nos acreditamos no que nos dizem e não lemos as embalagens e o seu "manual de instruções" fazendo, muitas das vezes com que não gostemos do produto ou que lhe apontemos defeitos porque estamos mal informadas. E também temos a nossa quota de culpa porque simplesmente não lemos as coisas como devia ser.



Fotos: Joana Cardoso (Blog: The Paper and Ink)

Tenho vindo a desgraçar-me com os produtos da Urban Decay. Têm sido o meu ponto fraco à medida que vou trabalhando mais com eles.
Posto isto, a minha coleção está cada vez maior. Reparei que apesar de já ter praticamente os acabamentos todos, os meus preferidos são os cremosos. São bem pigmentados e duram bastante nos lábios. Os confort matte e os mega matte quase nem precisam de ser retocados e eu ando mesmo viciada nas cores mais vibrantes e escuras. Posso mesmo dizer-vos que o meu preferido tem sido o BlackMail pois ainda não estou no mood dos batons de verão com corais, rosas e afins.







Convido-vos já a passarem na loja SEPHORA do norteshopping nos dias 15, 17 e 18 para eu vos dar a conhecer as novidades acabadinhas de chegar e a explorarmos este mundo em conjunto!

Fotos: Joana Cardoso (Blog: The Paper and Ink)
Com o Verão aí mesmo mesmo a dar o ar da sua graça e com a minha vida nada veraneante porque estou cheiiiiiaaa de trabalho (graças a Deus, né?) é claro que eu já comecei a dar uso ao autobronzeador.
No entanto, sou daquelas que não usa autobronzeador no rosto nem no pescoço, por isso esta água da Sensilis já está a uso.
Eu uso e abuso de protetor solar mas também gosto duma pele morenaça e como já não tenho vida para ficar ao sol, vou aproveitando o sol do dia-a-dia e esta água que ajuda no bronzeado progressivo e lá vai compondo a situação. Tem sido daqueles aliados para tirar a cor de inverno e está sempre ao lado dos cremes diários. Assim nunca esqueço de a utilizar.


Fotos: Joana Cardoso (Blog The Paper and Ink)
Já não me lembrava da última vez que usei algodão e desmaquilhante!

Desde que comecei a usar aquele óleo de camomila nunca mais usei outro até que ele me acabou e eu tinha este d'O Boticário por abrir. Continuo a preferir o óleo mas este tem estado no meu Kit de maquilhadora pois às vezes é necessário remover algum eyeliner que não tenha ficado logo bem, ou então para afinar algumas caudas com a ajuda de um cotonete, ou até mesmo porque ainda há quem me apareça com alguns restos de maquilhagem do dia anterior ou...enfim...vocês percebem: pode ser preciso.

Eu sempre pensei que os desmaquilhantes bifásicos continham óleo na composição este veio provar que eu estava errada: Ele remove a maquilhagem à prova d'água, é rico em vitaminas, ajuda na hidratação e é OIL FREE!
Perfeito até para ser usado nas peles mistas e oleosas.


Fotos:Joana Cardoso (The paper and ink)
Quando comecei a tirar o curso de maquilhadora profissional, comecei logo por pesquisar itens que seriam indispensáveis como uma mala para levar toda a maquilhagem, pincéis e também os acessórios para pousar/guardar os pincéis. Os copos dão imenso jeito e são mesmo muito práticos, os brush rolls também pois são mais intuitivos para ter os pincéis "mais à mão", mas principalmente para trabalhos ao ar livre e sem as condições perfeitas para trabalhar, o melhor mesmo são os cintos. o meu primeiro cinto foi comprado no ebay por pouco mais de 5€ era preto, básico e durou este tempo todo! Bem bom!
Como tinha de comprar outro, optei por algo mais arrojado e que fosse mais fácil identificar que era o meu quando se tem de dividir o mesmo espaço de trabalho com outros maquilhadores (como é o caso de desfiles). Por isso fui à Inglot e comprei este vermelhuxo, de verniz, lindo e maravilhoso. É ajustável e tem imensos espaços para os pincéis e acessórios como pinças, borlas e afias ;)



 Fotos: Joana Cardoso do Blog The Paper and Ink.


Next PostNewer Posts Previous PostOlder Posts Home