Se se lembram deste post em que vos mostrei um dos meus pós bronzeadores favoritos, sabem que na abertura do novo stand da Guerlain do El Corte Inglés de Gaia ofereceram-me também o creme de rosto.

Este foi um dos cremes que eu fui reticente na sua utilização, pois ele é aconselhado para peles mais maduras que a minha... eu pensei seriamente se o ia testar ou se o ia oferecer à minha mãe. Depois de ter falado com uma das assistentes da marca e de lhe ter questionado se o poderia usar, ela falou-me da possibilidade de o utilizar como uma cura, isto é, usá-lo apenas durante uma semana para garantir um efeito choque ou como uma máscara de hidratação. E assim o fiz. Por isso a minha opinião é sobre 7 dias de utilização alertando-vos que tenho 30 anos e este não é me foi aconselhado para um uso diário que durasse mais que isso, pois podia "sofrer" de coisas como excesso de oleosidade ou até mesmo o aparecimento de borbulhas e como máscara.

A forma como eu mais gostei de o utilizar foi mesmo como máscara de hidratação, pois usando como cura, notei logo ao fim de poucos dias que a minha pele já estava a produzir mais óleo. Além disso, tive o cuidado de fazer 2 máscaras diferentes na mesma semana. Como vi que este creme é mesmo bastante nutritivo e fez com que a minha pele produzisse mais óleo usado como cura, fazia uma máscara de argila verde na 2ªfeira e na 5ª feira fazia a máscara de hidratação com este creme. Assim consegui um equilíbrio tanto na hidratação como na produção de óleo.

Relembro que este é um creme aconselhado para peles mais maduras ou secas. Por isso, se têm dúvidas sobre as necessidades da vossa pele, consultem as especialistas das marcas antes de usarem qualquer produto.

  




Sempre que recebo produtos novos faço um esforço enorme para não os começar logo a usar. E foi o que fiz mais uma vez com estes dois frasquinhos. Acabei o creme de contorno de olhos que usava e depois passei a incluir estes na minha rotina.

Eu ainda não estava com uma barriga muito grávida quando os pus a uso e só me terminaram há uns dias, por isso, podem já ver que o investimento compensa porque dura meses. Além disso, estes foram os responsáveis por todos os elogios à minha pele enquanto estava grávida e durante os primeiros dias de vida da Matilde. Afinal de contas, as olheiras não se notavam assim tanto mesmo estando sem maquilhagem e dormindo muito pouco.

Das coisas que mais gostei nestes dois produtos (para além dos seus resultados bastante notórios) foram as suas texturas bastante leves e fluídas, de fácil aplicação e absorção. O Génifique Yeux tem na tampa um "bastão" metálico que facilita a aplicação e ajuda a descongestionar a área dos olhos que esteja mais inchada. O Génifique (que é utilizado como um sérum) tem na tampa uma pipeta "conta gotas" que liberta a quantidade necessária para a nossa aplicação sem corrermos o risco de estarmos a exagerar e a gastar produto em demasia.

Claro que uma pessoa pensa sempre duas vezes antes de gastar tanto dinheiro de uma só vez, mas depois dos resultados, de vermos que duram mesmo muito tempo e dos elogios, vemos que realmente compensa!



Viram no instastories este openbox da Quem disse, berenice? ? Se não viram é porque ainda não me seguem no instagram @carlacunhamakeup e também porque não activaram as notificações!

A marca aumentou a oferta de produtos de sobrancelhas de forma a estarmos ainda mais livres para criarmos a sobrancelha perfeita dependendo daquilo que queremos. Eu confesso que e própria tenho dias em que quase não mexo nas minhas sobrancelhas e tenho outros em que lhes faço um "tratamento" completo e ponho a uso tudo a que elas têm direito.

Já sabem que os preços desta marca são bastante simpáticos e amigos da nossa carteira, por isso não há desculpas para andarmos com umas sobrancelhas de meter medo.

Quando abri a caixa fiquei logo ansiosa por testar 3 produtos (a caneta, a máscara e o gel) e foram logo esses a ser usados em primeiro lugar.

A maior e mais agradável surpresa foi mesmo a caneta. Tem um aspecto de um "eyeliner de principiante" como eu gosto de chamar, por isso, também é o produto que eu aconselho para quem ainda não está à vontade com a correcção e o preenchimento das suas sobrancelhas. Tem um tom bastante natural e é perfeita para corrigir pequenas falhas de pêlo.

Tanto o gel como a máscara de sobrancelhas fixam bem os pêlos tendo em conta o preço. No entanto continuo a preferir a minha máscara de sobrancelhas da Lancôme que preenche e fixa os pêlos na perfeição! (mas tem um preço bem salgado comparada com estas opções...)

Qualquer dia trago-vos a minha opinião sobre os restantes produtos (à excepção da pinça que vai ser usada única e exclusivamente para aplicar pestanas pois eu faço a depilação com linha) mas estes eu acho que valia mesmo a pena serem experimentados e partilhados logo.




Contem-me quais os vossos produtos preferidos para sobrancelhas...
Por causa de andar sempre a lavar e a desinfectar as mãos comecei a senti-las mais ásperas e note que andava a facilitar e a descurar a hidratação das mesmas.

Fui à gaveta do stock (que é uma gaveta/armário onde vou guardando produtos para testar) e trouxe o creme de mãos da linha Cuide-se Bem d'O Boticário com o cheirinho a Rosa e Algodão. É daqueles cremes que não deixa as mãos gordurosas e que seca bem rápido depois de espalhado. Deixa as mãos significativamente bem mais fofinhas e macias e tem um aroma fresco e suave.

Depois que o meu creme de guaraná foi descontinuado não foi fácil arranjar-lhe um substituto ao qual eu fosse fiel. Agora espero que não descontinuem este também!






Quando partilhei este look convosco disse-vos que  provavelmente o próximo já ia ser com um carrinho de bebé à minha frente! E é mesmo!

Este não é o look mais prático para quem dá o peito aos filhos, mas para um domingo daqueles de ronha e para um passeio rápido é o que resulta melhor sem dar nenhum nó na cabeça de qualquer mãe!

Vocês sabem que para mim os vestidos são as minhas pelas favoritas e que não dão trabalho nenhum a pensar no que vestir ou com o que conjugar. Era fazerem vestidos com mais botões à frente do tipo camisa e eu usava vestidos todos os dias!





Vestido: H&M
Ténis: Primark
Mala de mãe: Pasito a Pasito
Carrinho: Bandit Be Cool
Foi no sábado passado que eu e a pequena Matilde fomos ao evento da Wycon, no Porto, conhecer a nova academia de maquilhagem e também os produtos best seller da marca.

A Wycon é uma marca de produtos de maquilhagem italiana que abriu as suas portas na Rua dos Clérigos, nº37, no Porto, já há alguns meses e que agora abriu portas da sua academia de maquilhagem onde poderão usufruir de cursos profissionais e de auto maquilhagem.

O objectivo é estar ao alcance de todas as mulheres, por isso os preços são acessíveis e a qualidade é comparável a outras marcas de alta cosmética. Claro que eu tinha de comprovar isso com os meus olhinhos e aceitei logo o convite.








 
No próprio dia experimentei o Long Lasting Liquid Lipstick que é mesmo de longa duração e à prova de beijocas. A Matilde conseguiu comprovar isso porque não ficou com nenhum pedacinho da cara rosado depois dumas beijocas boas na testa e nas bochechas. Além disso, só me fui desmaquilhar por volta da uma da manhã e ainda tinha o baton nos lábios, mesmo depois de lanchar, de jantar e tomar café! Tenho o usado todos os dias desde então para dar aquele up à maquilhagem mais básica e típica de uma recém mamã!

 
 

Da próxima vez que for ao centro do Porto acho que não vou resistir a trazer alguns produtinhos que me ficaram debaixo de olho (corretores, lápis de olhos e as toalhitas desmaquilhantes que removem mesmo tudo sem ser necessário esfregar).

Ontem foi a primeira vez que me separei da Matilde durante 90 minutos! Fui à minha primeira aula de pilates ao fim de 3 anos! A pequena Matilde ainda mama do peito, mas já estamos preparadas para quando for mesmo necessário o uso de biberão.

A Twistshake colaborou comigo e enviou-me um biberão que, acredito mesmo que vai ser um dos meus melhores amigos (e do pai também), naquelas situações em que tenho de deixar a pequena com alguém e ausentar me durante horas.
Além disso, vai-se tornar um dos melhores amigos da pessoa com quem ela ficar. Porquê? Porque estes biberões tem um sistema anticólicas e já foram reconhecidos e premiados diversas vezes: "Baby Product of the year 2015 Award" na Suécia, "Parent Award 2015" na Polónia, "Baby Innovation Award 2016" na Bélgica, "Bottle of the year 2016" no Canadá  e "Highly Commended Banta Awards 2016" no Reino Unido, "Junior Design Awards" 2016 no Reino Unido e ainda Kids Design Awards 2016 no Japão.

Este biberão traz incluído uma "pequena grade" que ajuda na mistura das fórmulas em pó, um pequeno reservatório para a fórmula ou até para fruta que pode ser facilmente empilhável noutros reservatórios e uma tetina anticólicas.
Uma das coisas que eu achei interessante e prática é podermos usar o mesmo biberão como "copo" quando a criança for maior e já beber água pois é só trocar as tetinas de forma de arredondadas por estas achatadas.

Claro que tinha de falar da variedade de cores disponíveis que faz qualquer mãe querer ter uma pequena colecção para depois torná-los ainda mais divertidos. Assim podemos fazer um mix dos seus pequenos acessórios como podem ver aqui.

Mas as boas notícias não acabam por aqui! Também vocês podem tê-lo a um preço ainda mais acessível usufruindo de 20% de desconto com o código "carlacunhamakeup20" estejam vocês onde estiverem pois os envios são feitos para qualquer parte do mundo!

 
 



Querem ainda mais boas notícias? Neste momento não há falhas de stock, por isso está tudo à vossa disposição no site! Eu vou já lá espreitar e decidir qual o próximo artigo para juntar à colecção.
Tenho uma obra de arte em casa!
Dei por mim a olhar por tempos infindáveis para ela. Fico completamente estarrecida a admirá-la. Fica gira em qualquer canto da casa. Passo imenso tempo sem pestanejar e sem pensamentos nenhuns na cabeça. Fico completamente off-line e focada única e exclusivamente nela.

Essa obra de arte é a minha Matilde! São 5h41m e ela já dorme profundamente. Deitei-me há quase uma hora, depois de a amamentar, deixá-la arrotar e de a adormecer e apesar de bocejar muitas vezes ainda não consegui adormecer! De vez em quando ela mexe as mãozinhas, resmunga um pouquinho e volta tudo ao silêncio anterior. Quando se agita um pouquinho mais eu estico o braço até ao seu berço, faço-lhe uns carinhos na mão, ela agarra-a com força e depois descontrai largando-a ao fim de 2 segundos.

Sinto-me aquelas pessoas que passam horas em museus paradas em frente a um quadro de algum artista de renome! Também eu fico a apreciar esta pequena maravilha sem me cansar. Debaixo da pequena luz de presença reparo em tudo: nos pelinhos que ela ainda tem nas orelhas, nos seus lábios com o contorno mais perfeito que vi até hoje, em todos os pequenos sorrisos que vão surgindo, nos seus olhos chinocas de pestanas claras, nas sobrancelhas iguais às do pai, nas suas bochechas gorduxas e no duplo queixo igual ao da mãe!

Sobre a típica frase "quando fores mãe, vais perceber"... Sim, agora percebo que não me consigo separar desta riqueza.  Percebo que fico angustiada por ver que ela está a sofrer nem que seja por 2 minutos e que fico relaxada por saber que ela está bem. Percebo que não sei músicas infantis e que ela é capaz de adormecer a ouvir as músicas do Sporting. Percebo que há um bem estar prioritário muito antes do meu bem estar e que ela há muito tempo que passou a ser a minha prioridade e que se transformou naquilo que é mais precioso para mim!

Sobre obras de arte... (sim são caras, mas) são únicas e preciosas! 
Por muito que se leia sobre maternidade, há coisas que são mesmo difíceis de entender...e acreditem que é muito difícil de explicar também!

Nem sequer vos vou falar do parto...sou capaz de falar dele durante horas... Por isso vou já passar para a amamentação.

Não sei se já vos disse, mas enquanto estive grávida tentei baixar as expectativas ao máximo! Mentalizei-me que não me ia acontecer aquilo que acontece às "Anas Ritas Clara" e "Carolinas Patrocínio" destas vidas: sair da maternidade já magras e sem barriga, cheias de vitalidade e força, lindas e maravilhosas com ar de quem só foi lá fazer visita em vez de ter ido lá parir!

Eu pensava que ia engordar uns 20kg durante a gravidez, que ia ficar redonda e que se esses 20kg fossem ganhos em 9 meses, então ia demorar pelo menos 9 meses a perdê-los. Imaginei que a minha criança ia chorar dia e noite mas sempre com esperança que ela saísse à mãe e fosse calminha. Pensei que a recuperação pós parto ia ser extremamente dolorosa e imaginei mil e uma situações. Aconselho todas as mães a tentarem baixar as expectativas! Não estou a dizer para serem pessimistas...São coisas completamente diferentes! Pensem positivo mas não achem que vai ser um mar de rosas!

Sobre a amamentação: toda a gente dizia maravilhas dela! Só duas pessoas (uma delas foi a minha mãe) é que me alertaram e me disseram que doía...que doía muito e que havia situações mesmo complicadas de levar qualquer mulher às lágrimas! Não que eu tivesse duvidado disso, mas não me preocupei muito com isso. Tive o cuidado de comprar um creme que me tinham aconselhado (mas que não fez maravilhas quando mais precisei dele) e mais umas coisas "just in case". Todas me falaram da magia da amamentação, dos efeitos emocionais, de estabelecer uma relação única entre mãe e filho, dos sentimentos de ternura...Todas essas coisas que se resumiam a: "quando fores mãe vais perceber!"

Enquanto estive no hospital, aqueles dois primeiros dias da Matilde, também achei muito mágico, achei até piada! Como é que a catraia, acabada de nascer, mal sente a mamoca na boca começa logo a mamar, sem ser necessário insistir ou "explicar"? Lá foi tudo muito simples! Mamava de 3 em 3 horas ou menos, sem dificuldades, não me magoava e estava tudo tranquilo!

A partir do 3° dia é que as coisas pioraram e cheguei a não querer amamentar! Cheguei a achar tortura, só queria ela aguentasse
6 ou 7 horas para ver se ganhava tempo para recuperar! É que se fosse "só" aquela dor de amamentar...a questão é que havia TODAS (todas meeesmo) as complicações que podem haver durante a amamentação!

O que fazer?
Fechar os olhos, suster a respiração, cerrar os dentes até gastar todo o esmalte que ainda tiver e tentar aguentar as lágrimas! Se elas escorrerem pelo rosto, não há problema...elas secam rápido!

O que ajudou diretamente? (Atenção! Eu disse ajudou, não disse resultou/resolveu!)
Uma almofada de sementes aquecida no microondas
Banhos quentes (mesmo muito quentes)
Tirar leite com uma bomba elétrica
Creme para os mamilos (trizantil porque purelan não fez nada)
Spray para o nariz (syntocinon 5 minutos antes de amamentar)
E ainda um anti inflamatório (nimed)

Só não recorri ao antibiótico! Tentei tudo o que havia para experimentar! Recorri aos conselhos de outras mães, ao que se aprende nas aulas de preparação para o parto, ao google (bendito google) e até veio o médico a casa! O antibiótico era mesmo o último recurso/a última esperança! Ainda bem que não foi preciso!

O que ajudou indiretamente?
A poltrona de amamentação. Foi das coisas que não abri mão enquanto preparava o quarto da Matilde e foi o melhor investimento que podia ter feito! Sem dúvida que estarmos confortáveis é meio caminho andado.
Ambientadores Yankee Candle com aromas relaxantes
Ambiente acolhedor e relaxado. A decoração do quarto faz mesmo diferença. Eu optei por deixar o quarto todo branco com mobília branca e acrescentei alguns apontamentos coloridos. Luzes de presença e de baixa potência...
Posso dizer que fui um bocadinho egoísta, pois pensei muito em mim e no meu bem estar...afinal de contas é lá (cá...pois estou a atualizar o blog enquanto a cachopa arrota e adormece no meu colo) que passo muito dos meus dias e noites!
Acredito mesmo que o bem estar da mãe, tal como durante a gravidez, é imprescindível para uma criança tranquila, serena e feliz...ou pelo menos é menos um obstáculo à adaptação desta nova etapa!

Em relação à magia, ao prazer e aos sentimentos maravilhosos que se sente enquanto se amamenta... posso dizer -vos que "quando forem mães vão perceber"!




Sempre que posso partilho convoso os resultados dos meus trabalhos. E se há trabalhos que vocês mais me pedem são as maquilhagens de noiva e das sessões de namoro.
Às vezes consigo tirar fotos na hora (mesmo que com o telemóvel) e partilho logo nas redes sociais. Outras vezes, por falta de tempo ou por esquecimento, acabo por esperar pelas partilhas dos profissionais da imagem (fotografia ou vídeo) escolhidos pelos noivos.

Claro que tinha de partilhar este delicioso vídeo convosco!











Next PostNewer Posts Previous PostOlder Posts Home